Que a internet abriu um novo capítulo no marketing permitindo às empresas utilizar o digital para promover e vender os seus produtos ou serviços, já toda a gente tem a noção. Que antigos erros iam ser transportados e cometidos no digital desaproveitando as vantagens do advento digital, já é algo que terá que ser evidenciado.

O marketing digital teve imediatamente um grande sucesso pois permitiu que as empresas, com orçamentos relativamente reduzidos, conseguissem chegar a uma audiência muito mais vasta.
O marketing tradicional baseia-se numa comunicação interruptiva, entrando nas nossas televisões, rádios, caixas de correio, etc.. de um modo indesejado.

O novo marketing digital pode basear-se no consentimento e na personalização da comunicação. Apenas é enviado conteúdo de interesse para o consumidor e no momento mais apropriado.

Com o “pode basear-se” queremos evidenciar que os erros que se cometem no marketing tradicional acabam por ser transportados para o digital.

Passamos a enumerar 3 desses erros:

1. Fazer a mesma comunicação para todos os contactos
Um dos problemas mais comuns que verificamos é que as empresas ainda enviam a mesma comunicação (ex. Newsletters ou campanhas) para todos os contactos da sua base de dados. Isto está errado pois certamente existem clientes ou leads com necessidades, interesses e envolvimento diferentes.

2. Usar conteúdos demasiado comerciais
Quando se fala em conteúdos, as organizações tendem logo a disponibilizar catálogos, brochuras ou informações muito comerciais sobre os seus produtos ou serviços.
Quando um contacto está, por exemplo, no início do processo de compra, ele está à procura de conteúdos mais educacionais e vai relacionar-se melhor com a organização que os disponibilize.

Os conteúdos que disponibiliza devem ser sempre adequados à fase do processo de compra em que os seus potenciais clientes se encontram.

3. Enviar as campanhas com base num calendário
A newsletter de março, a campanha de agosto, a promoção de setembro. Deste modo a empresa faz a comunicação baseada no seu próprio calendário e não no “calendário” de compra do seu cliente!

A tendência do marketing digital é fazer as comunicações e campanhas com base numa relação 1 para 1,  de acordo com as necessidades, interesses e fase do processo de compra do seu cliente.
O comportamento digital deve ser utilizado para perceber os interesses do cliente e para despoletar campanhas altamente personalizadas.

Isto permite criar uma envolvência com o cliente, como nunca antes foi possível!

Fonte:

http://www.youlead.pt