Vivemos numa época em que o nível de complexidade, competitividade e eficiência de todos os sectores do mercado é cada vez mais alto. Este panorama exige soluções mais criativas, rentáveis e baseadas em novas metodologias e ferramentas inovadoras. E o que o design estratégico tem tudo a ver com isso.

Actualmente, tem sido usado como ponto central em diferentes modelos de negócio. As metodologias e as ferramentas do design estratégico ajudam as empresas a aumentar a capacidade de inovação, priorizando sempre a entrega de valor aos consumidores.

Com ele, os profissionais são capazes de repensar processos, montar iniciativas de inovação e criar estratégias competitivas. Tudo por meio de mudanças operacionais e de serviços.

Para especialistas no assunto, o processo de design é uma representação mental de um novo modelo de gestão. Dessa forma, o design estratégico é capaz de reduzir custos, já que é orientado para satisfazer desejos e necessidades do cliente, ao mesmo tempo que traz resultados significativos para as organizações.

Listamos abaixo, algumas das principais vantagens do design estratégico:

A diferenciação

Torna-se fonte de vantagem competitiva por meio do valor da marca, fidelidade do consumidor, preço ou orientação de mercado. Um produto e uma identidade visual com design inovador trazem um alto valor agregado à sua empresa.

A integração

O design pode ajudar na gestão criativa dos projetos e ser utilizado como recurso no aperfeiçoamento dos processos de desenvolvimento de produtos, além de favorecer a linha de produtos modulares.

A transformação

AS empresas podem utilizar o design como fonte para criação de novas oportunidades de negócio e como auxiliar na adaptação às mudanças de comportamento e consumo do mercado.

O colher dos frutos

O design estratégico pode ser responsável por aumentar o número de vendas, melhores margens, uma maior fatia de mercado e melhor retorno sobre o investimento.